Visitar Óbidos

Um artigo que vai guiar-te pela vila...

Visitar Óbidos

Visitar Óbidos é um breve guia para te orientares pelos tesouros da pitoresca Vila de Óbidos, um dos ex-líbris do Oeste de Portugal.

A Vila de Óbidos localizada-se a norte do Cabo Carvoeiro e paredes meia com a vizinha cidade de Caldas da Rainha.

De longo passado e rica história, o seu enquadramento cénico é uma das suas maiores imagens de marca e confere-lhe uma singularidade muito própria e que terá sido uma das razões para, já século XXI, Óbidos ter sido considerada uma das 7 Maravilhas de Portugal.

Se quiseres aproveitar bem o teu tempo por aqui aconselhamos-te a planear a melhor forma de visitar Óbidos e conhecer o que de melhor a vila tem para te apresentar.

Tendo como ex-libris o seu majestoso Castelo medieval, há porém outros elementos de interesse no exterior da muralha que não deves deixar conhecer para que visitar Óbidos seja uma experiência ainda mais inesquecível.

É exatamente para te elucidar sobre o que podes encontrar e o que não podes perder, que te apresentamos algumas sugestões para que possas decidir o que mais te interessa.

Começando inevitavelmente pelo interior do Castelo Medieval, propomos-te dividir a visita em três fases.

Nessa perspectiva faseada começamos por propor uma visita ao Património Religioso, que tal como o nome indica foca todas as Igrejas e Capelas que existem no concelho de Óbidos … e são “só” nove … todas elas com singularidades e particularidades que certamente te vão surpreender pela diversidade, pela importância de cada uma e pela riqueza dos seus tesouros artísticos.

Outro programa temático para visitar Óbidos pode ser através dos Museus e Galerias de Arte, onde te são apresentados os locais da vila onde a arte, nas suas mais variadas formas de expressão pode ser fruída, salientando por exemplo que existem quadros de Josefa d’Óbidos para ser apreciados …

A ligação do Óbidos à arte, que também tem um forte e importante contributo dos grandes eventos anuais, é de tal forma importante e produtiva que em Dezembro de 2015 a UNESCO considerou Óbidos como cidade criativa, como parte do programa Rede de Cidades Criativas.

Por último, mas não menos importante, tens sempre a possibilidade de centrar a tua visita a Óbidos no Castelo e as suas Muralhas, que aborda a história, as particularidades e curiosidades associadas ao Castelo de Óbidos, o grande cartão-de-visita da vila e com os quais acabarás por enquadrar também o programa do Património Religioso e o dos Museus e Galerias de Arte.

Mas há também pontos de interesse, a não perder, no exterior do Castelo.

Se fores em direção a norte, na estrada que te leva de Óbidos a Caldas da Rainha, encontras dois locais ao mesmo tempo tão importantes e tão diferentes mas ambos de visita imprescindível.

O primeiro, e mais fácil de encontrar, é o Santuário Senhor Jesus da Pedra, majestoso templo do século XVIII e cuja visita é obrigatória, tendo como elementos centrais o seu tamanho e o facto de ter algumas janelas … invertidas!

O segundo local é a estação arqueológica das ruínas da antiga cidade romana de Eburobrittium, prova inequívoca da presença da civilização romana na zona há uns séculos atrás e um importante testemunho do seu legado.

Se te dirigires para sul, no sentido de Peniche, irás necessariamente passar por baixo do antigo Aqueduto de água, que ligava Óbidos à localidade da Usseira, e que é um testemunho do primeiro sistema de abastecimento de água de Óbidos em conjunto com os chafarizes que vais encontrar no interior da muralha.

O Aqueduto é mesmo uma das imagens de marca de Óbidos a par do incontornável Castelo.

Aqueduto d'água, Óbidos, Goóbidos, o teu guia turístico local

Depois de te deixares encantar por todos estes pedaços de história que ajudaram a construir o que é hoje a Vila de Óbidos, podes e deves mudar o teu rumo e seguires para o maior sistema lagunar de Portugal, a belíssima Lagoa de Óbidos, junto à praia da Foz do Arelho.

Ao chegares à Lagoa de Óbidos vais-te deparar com várias opções, todas elas diferentes nas suas motivações, mas todas ligadas ao lazer e ao passar tempo de qualidade.

Muitos são os trilhos que se encontram junto às margens da lagoa que permitem longas caminhadas onde poderás relaxar e ver a flora e fauna deste sistema, assim como poderás subir a um dos pontos de observação específicos que existem para observação de aves como os Flamingos.

Ao fazeres uma pausa poderás aproveitar os espaços que existem para poderes fazer o almoço ou um piquenique, um desses espaços é o Covão dos Musaranhos, com equipamentos próprios para cozinhares o que mais te apetecer comer.

 

Lagoa de Óbidos tens mais requisitos que vais querer aproveitar e depois das caminhadas podes sempre apetecer-te praticar um qualquer desporto náutico como o kitesurf, windsurf ou o Paddleboard e a canoagem.

No entanto se procurar algo mais calmo poderás sempre por optar pela prática do Golfe num dos muitos campos que existem à volta da Vila de Óbidos!

Há ainda o calendário dos grande eventos de Óbidos, durante os quais a vila se transforma em função de cada evento e durante os quais vais certamente encontrar motivos e atracções diferentes na tua aventura a visitar Óbidos.

Uma coisa é certa, não te falarão opções de escolha para a tua visita a Óbidos, sendo certo que o melhor é aproveitar um pouco de tudo para uma experiência mais completa.

Outra particularidade que não podes perder é a famosa e deliciosa Ginjinha de Óbidos, um licor tão famoso e tão saboroso que é quase pecado não provar.

Se fores guloso há ainda a possibilidade de provares a ginja num copo de chocolate, negro ou branco.

Não percas mais tempo, faz a mala, pega na tua máquina fotográfica, calça qualquer coisa confortável, agarra a tua companhia preferida e vem até Óbidos visitar esta Maravilha de Portugal.

Se ainda assim quiseres uma experiência ainda mais autêntica e detalhada, a GoÓbidos tem programas que te podem interessar, basta dares-nos uma apitadela e estaremos cá para te receber e guiar por Óbidos!